Conheça os 7 NFT’s mais caros do mundo!

Você sabe qual a NFT mais cara do mundo? Veja nossa lista das mais valorizadas na atualidade.

Por Igor em 24/02/2023
Caricatura de macaco estilizado com expressão irritada, usando boné e camisa listrada.

Se você acompanha o mercado de criptomoedas, certamente já ouviu falar dos NFT’s. Os tokens estão em altas e recebem diversos investimentos diariamente. E a curiosidade fica sobre qual o NFT mais caro do mundo. 

Conhecidos pelos seus altos valores, atraindo públicos diversos (que incluem artistas famosos), fez com os NFT’s se tornassem conhecidos e muito valorizados em meio ao mercado.

Por isso, acompanhe nossa matéria e descubra qual o NFT mais caro do mundo, além de uma lista dos 7 NFT’s mais valiosos que temos na atualidade. 

Lista dos NFT’s mais valiosos do mundo

  1. The Merge — US$ 91,8 milhões.
  2. Everydays: The First 5000 Days (Beeple) – US$69,3 milhões.
  3. Clock — US$ 52,7 milhões.
  4. HUMAN ONE — US$ 28,9 milhões.
  5. CryptoPunk #5822 — US$ 23,7 milhões.
  6. Alien CryptoPunk #7523 — US$ 11,75 milhões.
  7. TPunk #3442 — US$ 10,5 milhões.

O que são NFT’s

Muito conhecidos principalmente no mercado de Criptomoedas, os NFT’s são token não fungíveis (non-fungible token, no significado da sigla.

Para compreender bem este conceito, é necessário entender o que realmente significam e como funcionam os NFT’s. 

  • Token: são chamados de token as representações digitais de um ativo registrado em um blockchain (um grande banco de dados com as informações dos usuários). Assim, se a pessoa tem o token de uma obra de arte, por exemplo, é sinal que ele é dono daquela obra. 
  • Bens não-fungíveis: são considerados bens fungíveis aqueles que podem ser trocados por outros de igual valor (por exemplo, uma nota de R$ 20 que pode ser trocada por outras duas de R$ 10, dando o mesmo valor). Já o bem não-fungível, é aquele que não  pode ser trocado por outro que tenha valor igual, como por exemplo o quadro “Monalisa”, de Leonardo da Vinci, que não pode ser trocado por outro com o valor igual. 

Assim, um NFT é uma representação de um item exclusivo, que pode ser feita de maneira digital ou física. Entre esses itens exclusivos, que podem ser transformados em NFT, estão obras de arte, itens de jogos, momentos de um esporte específico, músicas, memes, entre tantos outros.

Dessa forma, na prática, um NFT funciona como um certificado digital de autenticidade daquele bem não-fungível. É um selo que representa que ele é real e que você é a pessoa que tem a posse deste tipo de bem. 

Se você baixar na internet, por exemplo, a imagem da obra digital “Crossroad”, você terá uma cópia sem valor dela. Já o original, vendido por R$ 6,6 milhões, está com o proprietário que tem o NFT registrado desta obra.

Por ser registrado em um blockchain, não é possível copiar o NFT, tornando a obra mais segura e bem valorizada no mercado. 

Lista dos 7 NFT’s mais caros do mundo

Quer conhecer os 7 NFT’s mais caros do mundo? Veja a lista abaixo e descubra como que estes tokens não-fungíveis se tornaram tão caros no mercado. 

The Merge — US$ 91,8 milhões

imagem do NFT The Merge

O NFT mais caro do mundo é o The Merge. Esta obra digital foi feita por um artista digital de identidade desconhecida, que se identifica apenas como PAK. 

Diferente de outras obras, The Merge foi vendido no Nifty Gateway no ano de 2021 para 28.893 colecionadores que compraram 312.686 unidades de massa. Cada unidade é um NFT único que se valorizava em US$ 25 a cada seis horas. 

A obra, criada sendo três massas brancas sobre um fundo preto, aumentava o tamanho de sua massa a cada comprador que adquirisse um NFT. Assim, com o acúmulo de todas as massas vendidas dessa obra, o total arrecadado atingiu a histórica marca de US$ 91,8 milhões. 

Everydays: The First 5000 Days (Beeple) – US$69,3 milhões

Imagem do NFT Everydays - The First 5000 days

Considerada o NFT mais caro já vendido para uma única pessoa, esta obra que tem o nome traduzido como “Todos os Dias: Os Primeiros 5.000 Dias” foi feita por um artista dos Estados Unidos, Michael Joseph Winkelmann, conhecido como Beeple. 

A NFT Everydays: The First 5000 Days foi vendida por US$ 69,3 milhões em março de 2021. A venda aconteceu em um leilão da Christie’s. Quem comprou foi MetaKovan, fundador e CEO da Metapurse, um fundo de investimento de NFT.

A obra se trata de uma colagem de 5.000 ilustrações e animações que foram produzidas e fotografadas por Beeple todos os dias entre 1° de maio de 2007 e 7 de janeiro de 2021. 

Clock — US$ 52,7 milhões

Imagem do NFT Clock.

Com medalha de bronze no ranking dos NFT’s mais caros do mundo, está a obra Clock, também criada por Pak. Seu preço alto se destaca pelo fato de ser uma NFT que teve uma alta quantidade de revenda. 

A obra foi criada para arrecadar fundos para o ativista Julian Assange após sua prisão em 2019 acusado de espionagem contra os Estados Unidos. Basicamente, é um relógio que mostra o tempo que ele está preso e permite, além de projetar o Clock, que se crie NFT’s com mensagens censuradas. 

Em fevereiro de 2022 a obra foi vendida por US$ 52,7 milhões e adquirido pelo Grupo de apoiadores AssangeDAO.

HUMAN ONE — US$ 28,9 milhões

imagem do NFT Human One

O artista Beeple arrecadou esta quantia com o NFT ao criar sua primeira obra fora do mundo digital. Trata-se de uma escultura em movimento 3d composta por 4 telas onde mostra um filme infinito de um astronauta explorando diferentes locais em diferentes épocas. 

Ryan Zurrer, ex-sócio da Polychain Capital, adquiriu o NFT de Human One em novembro de 2021 por US$ 28,9 milhões. O preço alto foi por conta da obra mudar com o tempo. 

Um detalhe importante: por mais que Beeple não possua o NFT da obra, ele acessa e faz atualizações periodicamente na obra de arte. 

CryptoPunk #5822 — US$ 23,7 milhões

Imagem do NFT criptopunk #5822

Se pararmos para listar, muitas peças CryptoPunk entram na lista dos NFT’s mais caros do mundo, pois são mais de 10 mil avatares criados. O ativo #5822 foi criado por Larva Labs no Ethereum e foi um dos modelos que inspirou os projetos de fotos de perfil em todo o mundo.

Em especial, este NFT foi adquirido por US$ 23,7 milhões por Deepak Thapliyal, CEO da Chain, em fevereiro de 2022. 

Alguns detalhes chamaram a atenção neste NFT, por isso o valor alto: edição mais rara da série, onde apenas 9 em 10 mil possuem este estilo. E pelo fato de ser uma das poucas peças com bandana.

Alien CryptoPunk #7523 — US$ 11,75 mihões

Imagem do NFT Alien CryptoPunk

Shalom Meckenzie, o maior acionista da DraftKings, pagou o preço de US$ 11,75 durante o leilão “Natively Digital” da Sotheby’s em 2021 neste NFT para ter o direito em um dos raros ativos da coleção. 

Isso se deu pelo fato de que o CryptoPunk #7523 faz parte de uma coleção de 9 punks aliens criados por Lava Labs. 

O detalhe que chamou a atenção neste NFT é o fato de que ele possui uma máscara médica, o que chamou muito a atenção durante o período de pandemia que o mundo viveu. 

TPunk #3442 — US$ 10,5 milhões

Imagem do NFT Tpunk 3442

A TPunk #3442 foi a primeira a ser negociada com um valor tão alto. Sendo parte da blockchain Tron, que possui sua própria versão dos CyberPunks, este em especial mereceu um grande destaque.

Vendida em agosto de 2021 para Justin Sun, cofundador da Tron, após a finalização da venda, ele doou o NFT para o APENFT, um projeto que é baseado na Tron e se dedica à tokenização de obras de arte em blockchain.

A obra se assemelha ao personagem Coringa, o que chamou muito a atenção e a tornou um dos NFT mais caros do mundo. 

Por que os NFT’s são tão caros?

Quando falamos em NFT e no NFT mais caro do mundo, muitas vezes nos assustamos com os valores que são praticados neste tipo de token. E fica a pergunta inicial: por que os NFT’s são tão caros assim?

E aqui entram diversos fatores que fazem com que os NFT’s se tornem tão valorizados no mercado e tenham os valores que foram apresentados:

Autenticidade digital exclusiva

É importante lembrar que o NFT é único, impossível de copiar e criptografado de maneira que seja altamente seguro e garanta realmente a autenticidade. 

Para que isso aconteça, é necessário usar uma tecnologia muito alta, com uma enorme corrente de bloqueios que criptografam o NFT para que não seja copiável. Além disso, são usados vários servidores, fazendo com que tudo se torne mais caro de ser realizado. 

Operações em Criptomoedas

Todas as operações realizadas para que o NFT seja autêntico são realizadas em criptomoedas. Este tipo de mineração é mais cara e mais complicada. Com isso, o resultado final é que os NFT se tornem mais caros.

Demanda

Quando o NFT mais caro do mundo foi anunciado e a lista que mostramos começou a fazer sucesso, mais e mais pessoas físicas e jurídicas (empresas) passaram a se interessar pela tecnologia.
Como todo mercado, a demanda pela procura cresceu, gerando uma enorme valorização da tecnologia. 

Especulação

Da mesma forma que as criptomoedas, quanto mais se especula a busca pelo NFT, maior será o seu valor. Por isso, com toda a valorização da tecnologia, tornou-se caro ter um NFT. 

Escassez

Vale ainda lembrar que o NFT representa algo único, o que vai fazer com que seja muito valorizado no mercado e que, assim, faça com que o sistema valorize ainda mais os tokens não-fungíveis. 

É isso que fez com que o NFT mais caro do mundo fosse vendido a um valor tão alto. Mesmo sendo adquirido por um grupo, ele se valorizou demais por ser único. 

Por que comprar um NFT?

Existem alguns motivos que levam uma pessoa a adquirir um NFT. Veja por que é interessante ter um token não-fungível:

  • Você tem a possibilidade de acessar benefícios únicos oferecidos pelo criador do NFT.
  • É uma forma de fazer um bom investimento com seu dinheiro. 
  • Você estará dando suporte ao criador do NFT. 
  • É uma forma de se destacar no mercado e se popularizar, já que os NFT’s estão em alta desde que foi anunciado o mais caro do mundo. 

Por que não posso copiar o NFT?

É interessante conhecer um pouco da tecnologia por trás do NFT para que você entenda que não é possível copiar o NFT. 

O registro do NFT é feito em blockchain, um enorme banco de dados criptografado que tem um registro único de seu token. Assim, na hora de fazer a verificação, ele acessa as informações para comprovar ou não a autenticidade. 

Com isso, não é possível fazer a cópia do NFT, já que ele é criptografado em diversos servidores, se tornando algo único.

Perguntas Frequentes

Quanto custa o NFT do Neymar?

Os NFT’s comprados por Neymar foram adquiridos quando o mercado estava em alta, por US$ 1,1 milhões (R$ 6 milhões em média). Hoje, com o mercado tendo um esfriamento, estão avaliados em média em R$ 1 milhão.


Qual é o NFT do Snoop Dog?

Snoop Dog tem sua própria coleção de NFT, chamada de “Doggy”. Há pouco tempo, o Doggy #4292 foi vendido por aproximadamente US$ 33 mil.


Como o NFT valoriza?

O NFT se valoriza de acordo com a demanda de oferta e procura. Quanto mais pessoas buscando por aquele NFT, mais ele se valoriza. Isso fez com que o NFT mais caro do mundo chegasse perto de US$ 100 milhões.


Quem criou a NFT do macaco?

Em 2021, a a startup norte-americana Yuga Labs criou a série de NFTs Bored Ape Yacht Club. São 10 mil tokens baseados em blockchain que representam um conjunto de macacos que foram gerados por computador.


Você também vai gostar