Como sacar o FGTS inativo? Veja algumas formas de fazer isso!

Tem valores retidos como FGTS inativo? Veja se você pode sacar.

Por Igor em 28/04/2023

O Fundo de Garantia de Tempo de Serviço, FGTS, é um direito de todo trabalhador brasileiro, previsto por lei. Este fundo é uma espécie de reserva de emergência para o momento em que o trabalhador for demitido ou que ele possa usar em outras situações.

Entretanto, muitos ficam com o FGTS inativo. Você sabe o que isso quer dizer? E sabe como fazer para sacar este dinheiro? Pois reunimos todas as informações que você precisa para saber mais sobre o FGTS inativo e como ele funciona.

Acompanhe a matéria e descubra mais sobre como sacar o FGTS inativo.

Índice

O que é o FGTS inativo?

O FGTS inativo é uma conta do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) que não recebe mais depósitos por parte do empregador. Isso acontece quando um trabalhador é demitido sem justa causa ou quando decide encerrar um contrato de trabalho com uma empresa e não é registrado em outra imediatamente.

As contas inativas do FGTS são aquelas que não têm movimentação por um período de 3 anos consecutivos. Ou seja, se um trabalhador não sacar ou não realizar nenhuma transação em sua conta do FGTS por esse período, ela passa a ser considerada inativa.

Assim, caso você tenha trabalhado em um lugar e tenha conta do FGTS inativo, é importante saber em quais situações e quais são as maneiras de sacar o FGTS.

FGTS retido e inativo é a mesma coisa?

Apesar de serem conceitos bem parecidos, existem algumas diferenças entre o FGTS retido e o inativo. Por isso, é importante conhecer para que você saiba como está a sua conta.

O FGTS Retido é o fundo de garantia que não pode ser sacado pelo fato de que o empregado pediu demissão ou então foi demitido por justa causa. Nestas situações, não é possível fazer o saque-rescisão e o valor fica retido.

Entretanto, em caso do empregado voltar a trabalhar imediatamente, a conta pode voltar a ser ativa.

Já em caso da conta ficar três anos sem movimentação, faz com que ela se torne uma conta de FGTS inativa, ou seja, sem que haja depósito ou movimento, e o dinheiro fica sem movimentação.

Por isso, é importante saber os meios para sacar o FGTS inativo e ter o seu dinheiro.

É possível sacar o FGTS inativo?

A boa notícia é que sim, existem formas legais de você fazer o saque do FGTS inativo e desfrutar do dinheiro que está ali. Entretanto, é preciso que você saiba que são em situações bem específicas.

Assim, se você quer sacar seu dinheiro que está preso em uma conta inativa, você deve observar quais são as situações em que você vai poder fazer isso.

Quais maneiras de sacar FGTS inativo?

Confira algumas maneiras pelas quais é permitido fazer o saque do FGTS inativo e descubra se você pode optar por este tipo de saque.

Como eu faço o saque do FGTS pelo saque-aniversário?

O Saque-Aniversário é uma modalidade do FGTS que permite ao trabalhador sacar uma parte do saldo disponível em sua conta do FGTS no mês do seu aniversário, desde que tenha optado por essa modalidade.

Lembrando que esta é uma opção do trabalhador e, ao aderir ao saque-aniversário, o trabalhador não pode fazer o saque-rescisão. (É por isso que alguns, ao descobrirem essa impossibilidade, optam por cancelar o saque-aniversário, para assim poderem fazer o saque-recisão.)

Porém, neste caso, tendo dinheiro na conta, ativa ou inativa, é possível sacar um valor todo ano dentro do Mês de aniversário do trabalhador.

Para aderir ao Saque-Aniversário do FGTS, siga os seguintes passos:

  1. Verifique se você atende aos requisitos: Para aderir ao Saque-Aniversário, é preciso ter uma conta ativa ou inativa do FGTS. Além disso, é preciso ter pelo menos 1 ano de vínculo empregatício com uma ou mais empresas, e ter saldo disponível em sua conta do FGTS. E aqui está o segredo, ele permite o saque de contas inativas.
  2. Acesse o site da Caixa Econômica Federal: No site da Caixa, você encontrará informações sobre o Saque-Aniversário do FGTS. É importante ler todas as informações disponíveis para entender como funciona essa modalidade. Você também pode fazer a adesão pelo aplicativo.
  3. Faça a opção pelo Saque-Aniversário: No site da Caixa, acesse a opção “FGTS” e, em seguida, selecione “Saque-Aniversário”. Clique em “Aderir ao Saque-Aniversário” e leia as informações sobre a modalidade.
  4. Confirme a adesão: Após ler todas as informações, você deve clicar em “Concordo com os Termos e Condições” e, em seguida, em “Aderir ao Saque-Aniversário”. Depois disso, você receberá uma mensagem de confirmação da adesão.
  5. Aguarde a confirmação da Caixa: Após a adesão, a Caixa Econômica Federal irá processar a solicitação e enviará uma mensagem de confirmação. É importante lembrar que a opção pelo Saque-Aniversário é irreversível e só pode ser alterada após um período de 2 anos.
  6. Saque no mês do seu aniversário: Após a confirmação da adesão, você poderá sacar uma parte do seu saldo do FGTS no mês do seu aniversário. O valor a ser sacado depende do saldo disponível em sua conta do FGTS e segue uma tabela de porcentagens pré-definida.

Como eu faço o saque do FGTS inativo para comprar um imóvel?

Outra maneira de sacar o FGTS inativo é através da compra de um imóvel. Esta condição é interessante para quem pensa em investir em uma casa própria.

Isso porque, na hora da compra, a lei permite que você saque todo o valor de seu FGTS para usar como entrada ou para amortizar as parcelas de seu imóvel. Por conta disso, se você tem uma conta ativa ou inativa, o dinheiro pode ser sacado.

Se quer fazer o saque do FGTS inativo em caso de compra de imóvel, você deve conversar com o responsável pelo financiamento do imóvel e, assim, vai conseguir usar o dinheiro especificamente para esta finalidade.

Como eu faço o saque do FGTS inativo em situações especiais?

Segundo a lei, algumas situações especiais permitem que o valor do FGTS inativo seja sacado pelo trabalhador. Confira quais são segundo a Caixa:

  • Calamidade pública;
  • Doenças graves, como câncer, HIV, Parkinson, entre outros;
  • FGTS emergencial ou extraordinário;
  • Rescisão por falência do empregador;
  • Com dependente diagnosticado com câncer (neoplasia maligna);
  • Com dependente portador do vírus HIV (Aids);
  • Com dependente em estágio terminal, em razão de doença grave;
  • Em caso de falecimento do trabalhador, o saldo fica disponível para os dependentes.

Para qualquer uma dessas questões, é preciso ter a documentação completa e se dirigir a uma agência da Caixa para a liberação do dinheiro do FGTS inativo.

Como eu faço o saque do FGTS inativo em caso de aposentadoria?

É importante lembrar que é possível realizar o saque total do FGTS, incluindo os valores das contas inativas, no caso de aposentadoria concedida pelo Instituto Nacional do Seguro Social (INSS). Essa opção está disponível para todos os tipos de aposentadoria previdenciária, inclusive a aposentadoria por invalidez.

Mesmo que o aposentado continue trabalhando com carteira assinada, ele pode sacar o saldo do FGTS e continuar recebendo depósitos mensais no fundo de garantia.

É uma possibilidade importante para quem deseja utilizar os recursos do FGTS para investimentos ou quitar dívidas após a aposentadoria. É necessário se informar sobre os procedimentos para realizar o saque, que podem variar de acordo com as regras vigentes.

Como receber o FGTS inativo?

Existem diferentes formas de receber o FGTS, dependendo da situação em que o saque é solicitado. Algumas das principais maneiras são:

  • Saque em agências da Caixa Econômica Federal: É possível fazer o saque do FGTS em uma agência da Caixa Econômica Federal, apresentando um documento de identificação e o Cartão do Cidadão. Caso não tenha o Cartão do Cidadão, é necessário comparecer à agência com um documento de identificação e o número do PIS/PASEP.
  • Saque em caixas eletrônicos da Caixa: Os valores do FGTS também podem ser sacados em caixas eletrônicos da Caixa Econômica Federal, utilizando o Cartão do Cidadão e a senha cadastrada.
  • Transferência para conta bancária: Caso prefira, é possível transferir os valores do FGTS para uma conta bancária pessoal. É necessário fazer o pedido de transferência em uma agência da Caixa Econômica Federal ou através do Internet Banking.
  • Saque-aniversário: Para quem optou pelo Saque-aniversário do FGTS, os valores são disponibilizados anualmente na data de aniversário do trabalhador. Nesse caso, é possível fazer o saque em agências da Caixa ou em caixas eletrônicos.

Uma importante observação. O Cartão Cidadão é um dos meios usados para que se faça o saque do FGTS. Caso você queira sacar e não tenha o cartão, pode fazer a solicitação do mesmo em uma das agências da Caixa.

Além disso, é possível fazer o saque diretamente nas agências com o número de seu PIS e documento original de identificação. Você precisa, também, levar cópia do RG e do CPF.

Qual a diferença entre FGTS Ativo e Inativo?

O FGTS ativo é uma conta do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço que está recebendo depósitos mensais regulares por parte do empregador. Já o FGTS inativo é uma conta que não recebe mais depósitos por parte do empregador e está sem movimentação por um período de pelo menos 3 anos consecutivos.

A diferença principal entre os dois é que o FGTS ativo é um saldo em constante atualização, já que é alimentado pelo empregador, enquanto o FGTS inativo é um saldo que não está sendo atualizado e pode estar parado há anos.

Outra diferença importante é que a movimentação do saldo do FGTS ativo é restrita, ou seja, o trabalhador só pode sacar o saldo disponível em situações específicas, como demissão sem justa causa, aposentadoria, doença grave, entre outras previstas em lei.

Já o saldo do FGTS inativo pode ser sacado em diversas situações, desde que o trabalhador tenha cumprido o período mínimo de trabalho exigido para ter direito ao benefício.

Perguntas frequentes

Como saber se tenho FGTS inativo para sacar pelo CPF?

Para consultar seu FGTS inativo pelo CPF, você deve acessar o site da Caixa ou baixar o app Meu FGTS. Depois, deve entrar com seu CPF e senha cadastrados para conseguir fazer a consulta.


Como desbloquear o saldo do FGTS?

Caso você tenha um saldo bloqueado, é possível efetuar o desbloqueio diretamente nas agências da Caixa Econômica ou pelo site, acessando com sua conta e fazendo a solicitação do desbloqueio.


Dá para sacar o FGTS na lotérica?

Sim, é possível sacar o FGTS em algumas casas lotéricas, desde que o valor seja de até R$ 1.500,00 e que o beneficiário possua o Cartão Cidadão e a senha cadastrada. Para valores acima desse limite, é necessário se dirigir a uma agência da Caixa Econômica Federal com um documento de identificação com foto.


Você também vai gostar