Recupere sua reputação financeira: Livre-se das dívidas sem gastar nada!

Geniuzz: 04/04/2024

No Brasil, mais de 65 milhões de brasileiros possuem o nome sujo, ou seja, têm algum tipo de dívida com uma instituição financeira. Esse número representa cerca de 32,5% da população do país.

Com o agravamento da crise econômica por causa da pandemia do novo coronavírus, do recente início da guerra na Ucrânia, somados ao ano eleitoral, os preços subiram muito e a situação ficou ainda mais difícil.

Basicamente, há duas maneiras para limpar nome: pagar tudo ou não pagar nada. Parece meio óbvio, entretanto existem algumas condições para que isso possa acontecer.

Se você não quer mais ficar nessa encruzilhada, veja a seguir algumas dicas que nós do GENIUZZ, preparamos para vocês que podem te ajudar bastante no momento de quitar ou não as suas dívidas. Para isso, fique conosco até o final.

Limpe seu nome sem gastar dinheiro

A primeira dica é, sem dúvidas, a mais simples e direta: faça o pagamento à vista. Pode parecer loucura ou talvez a sua situação esteja muito longe de poder quitá-la.

Entretanto, mesmo que se passe um bom tempo, guarde o seu dinheiro e, caso seja do seu interesse, se livrar dela.

Um alerta bastante importante a ser feito aqui é que você não deve, em hipótese alguma, refinanciar a sua dívida. Isso porque apesar do valor da parcela diminuir, o número de parcelas aumenta, ou seja, o valor final que será pago, é maior do que o inicial.

Por que pagar a sua dívida?

Existem algumas vantagens em quitar o valor que você está devendo ao banco, veja a seguir algumas delas:

Limpe seu nome sem gastar dinheiro

Ter uma qualidade de vida melhor: quem nunca perdeu o sono por causa de dinheiro ou da falta dele? Pois bem, pagar a sua dívida te ajuda a dormir melhor, diminui a ansiedade e aumenta a sua tranquilidade.

  • Aumento da produtividade: uma das razões de baixo rendimento nas empresas é porque seus funcionários estão desfocados ou então sobrecarregados, isso acontece, por exemplo, quando você precisa se concentrar em suas funções, mas não para de receber ligações de cobrança.
  • Cadastro Positivo: se trata de um programa que mostra para as instituições financeiras se aquela pessoa é ou não um bom pagador. Fazer parte desse cadastro é sempre uma boa opção.

Situações em que você não precisa pagar a sua dívida

É importante ressaltar aqui que existem casos específicos, entretanto, as duas formas de não precisar pagar o valor em aberto – de acordo com a Lei – são:

Dívida prescrita: após passados cinco anos, a instituição financeira perde por Lei (artigo 206 do Código Civil), o direito de cobrar o seu devedor, seja por protesto, pela justiça ou por meio dos chamados birôs de crédito, ou seja, instituições que registram o histórico de pagamento dos consumidores.

  • Indenização por danos morais: se após cinco anos, o banco continuar com as ligações de cobrança ou ameaçar de colocar o nome do cliente no SPC ou Serasa e até mesmo de protestar a dívida, o consumidor poderá, mediante processo judicial, pedir uma indenização entre 2 e 5 mil reais.

SAIBA COMO LIMPAR SEU NOME

Você também vai gostar