Quer pagar suas dívidas sem dinheiro confira aqui

Geniuzz: 01/04/2024

Pagar suas dívidas sem dinheiro. Um impasse muito grande para uma boa parcela da população brasileira é o acúmulo de dívidas, isso se dá por diferentes motivos, dentre eles os juros reincidentes, as taxas abusivas e a falta de pagamento por parte do devedor.

Assim, há uma grande busca por formas de quitar esses débitos e ficar em dia com as instituições financeiras, de modo a não ter o nome sujo.

Quer pagar suas dívidas sem dinheiro confira aqui;

Se você está entre os 32,5% dos brasileiros que possuem algum tipo de dívida ativa, saiba que existem algumas formas de limpar nome e amortizar os débitos em aberto sem precisar pagar.

Isso mesmo que você ouviu, talvez a solução dos seus problemas e das suas preocupações seja não realizar o pagamento do que você deve.

Para entender melhor sobre esse assunto, continue lendo esse artigo até o fim.

As instituições financeiras e seus juros e taxas abusivos

Como a maioria das pessoas deseja ser um bom pagador e tem medo de ter o nome colocado nas instituições de consulta ao crédito, como SPC e Serasa.

Os bancos se aproveitam da boa fé de seus clientes para poderem instituir contratos com cláusulas abusivas, que não favorecem os dois lados.

Incidirem juros sobre juros e aumentarem o tempo de pagamento das parcelas (de 10 vezes sobe para 20, por exemplo).

Com medo de serem negativados ou de não conseguirem mais crédito no mercado por serem considerados pagadores ruins, as pessoas acabam aceitando as condições abusivas e se enrolando ainda mais.

Na verdade, os bancos gostam dos seus devedores, isso porque dessa maneira eles podem oferecer sugestões de pagamento que os beneficiem ainda mais.

O que você precisa saber sobre como limpar seu nome sem pagar sua dívida

Como proceder caso a dívida vá para a justiça?

Esse é um dos grandes medos dos consumidores, isso porque a maioria deles não possui uma boa educação financeira.

Além disso mediante esse tipo de ameaça, não sabem ao certo como proceder.

O mais importante a se dizer é que nem todas as dívidas se transformam em processos judiciais, isso porque esse procedimento gera custos para a instituição receptora e nem sempre acaba valendo a pena para eles.

Se o credor iniciar o processo judicial e a notificação chegar antes da dívida prescrever.

Entretanto, se a citação já for prescrita, não haverá uma nova data porque ela já “caducou”.

A dívida foi prescrita, ainda posso ser cobrado?

De acordo com o artigo 206 do Código Civil, a instituição perde o direito de cobrança após a prescrição da dívida.

Caso isso venha a acontecer, o consumidor poderá fazer uma reclamação por escrito sobre a empresa, acionar o Procon da sua cidade.

E logo depois, ele poderá entrar com uma ação judicial solicitando uma indenização por danos morais .

Dessa forma, a indenização pode ser entre 2 e 5 mil reais e o cliente ainda poderá usar essa quantia para pagar seu débito com a própria empresa.

CONEÇA A ACORDO CERTO

Você também vai gostar